sábado, 16 de abril de 2011

Mini 1000 - O fim de uma cambota...

Boa noite.
Em plena "época alta" de actividades ministas, sobretudo montagens de motores e caixas, surgiu por aqui mais um "novo" Mini. O do Marco...
Com um look "sportspack" bem conseguido, o Mini deixou de andar no dia em que foi á IPO. O motor trabalhava, mas a caixa não correspondia , e, por fim já nem pegava, apesar de o motor de arranque rodar o volante. Algo grave sem dúvida...
Depois de tudo visto e ensaiado não houve outro remédio.
"- Tem que sair..."
...para se poder tirar a embraiagem...
...que se apresentou com um péssimo sinal. O volante rodava de facto na cambota e agora era só uma questão de ver até que ponto os estragos eram sérios.
Não são do mesmo tipo, mas estas duas anilhas têm a mesma função no motor do Mini, mas reparem na diferença da do Marco. "Derreteu", e não foi pouco...
...e infelizmente, a cambota não resistiu. Não é uma avaria assim tão comum, mas quando acontece...
...geralmente é mortal. A cambota acabou de se transformar num pedaço de sucata, pois está inutilizada de vez e a sua reparação é inviável. Foi o fim..., o fim de uma cambota!
Agora é reparar e pôr a andar de novo.

Novidades em breve.

RT

Sem comentários: